Page tree
Skip to end of metadata
Go to start of metadata

Essa seção contém informações sobre os parâmetros utilizados na atualização automática do TOTVS | SmartClient.

Para isso, é necessário incluir a seção [Update], no arquivo de configuração (AppServer.ini), com as seguintes chaves:


Exemplos

Exemplo de configuração - Windows

[UPDATE]
Enable=1
PathWindows=c:\ERP\bin\remote_upd
PathLinux=c:\ERP\bin\remote_linux_upd
PathMacOSX=c:\ERP\bin\remote_macosx_upd

Exemplo de configuração - Linux


[UPDATE]
Enable=1
PathWindows=/erp/ERP/bin/remote_upd
PathLinux=/erp/ERP/bin/remote_linux_upd
PathMacOSX=/erp/ERP/bin/remote_macosx_upd



Desta forma, quando uma estação carregar o TOTVS | SmartClient, o sistema verificará se a build do TOTVS | SmartClient é compatível com a do TOTVS | Application Server.

Caso as builds sejam compatíveis, ao iniciar qualquer ambiente do ERP - Enterprise Resource Planning, e o recurso de atualização automática esteja devidamente configurado e habilitado, serão verificados automaticamente os arquivos da pasta especificada no servidor de atualização e os arquivos da pasta do TOTVS | SmartClient em execução na estação. Além disso, caso um arquivo existente no servidor (TOTVS | Application Server) não seja encontrado na estação, ele é copiado para a mesma. Caso os arquivos existam, porém o arquivo apresente alguma diferença (Tamanho, Data e/ou Horário), o arquivo também é copiado do servidor para a estação.


Processo de atualização

Este processo é executado automaticamente apresentando na tela, do TOTVS | SmartClient, uma janela com informações sobre o progresso da verificação/atualização.

No entanto, caso a build do TOTVS | SmartClient na estação não seja compatível com a do servidor (TOTVS | Application Server) em uso, e o recurso de atualização automática esteja devidamente configurado e habilitado, o sistema apresentará a seguinte mensagem:

 Ao confirmar a atualização, o sistema apresentará uma janela com a progressão do processo.

 

Desta forma, todos os arquivos gravados no diretório informado para atualização, no TOTVS | Application Server, serão copiados para a estação onde se encontra o TOTVS | SmartClient, inclusive os arquivos de configuração (*.INI). Já o TOTVS | Application Server, enviará à estação remota os arquivos correspondentes ao sistema operacional que o TOTVS | SmartClient utiliza: Windows ou Linux.


Requisitos para atualização automática

Para que a atualização automática seja realizada corretamente, é importante observar:

  • Os arquivos que constam na pasta de atualização do TOTVS | Application Server deverão estar descompactados. No caso do MacOSX deverá estar no diretório configurado, o diretório smartclient.app característico de aplicativos para MacOSX.
  • O usuário deve ter o direito de gravação no diretório, do TOTVS | SmartClient, da estação onde este aplicativo está sendo executado/atualizado.
  • Quando utilizamos o TOTVS | Application Server, em ambiente Linux, os arquivos das pastas de atualização automática devem conter apenas letras minúsculas, mesmo que se destinem à atualização de um TOTVS | SmartClient para ambiente Windows.


Importante
Ao definir a(s) pasta(s) para conter os arquivos a serem atualizados no TOTVS | SmartClient no servidor, deve-se criar uma pasta específica para esta finalidade e não utilizá-la para execução do TOTVS | SmartClient na estação servidora. Para que, nessa pasta, existam apenas os arquivos da pasta TOTVS | SmartClient que devem ser enviados a todas as estações remotas. 


Características da atualização automática

  • Não é necessário utilizar FTP, CABs ou compartilhamentos de rede para esta atualização, pois o TOTVS | SmartClient utilizará o próprio protocolo de conexão do ERP para fazer a atualização.
  • Os arquivos são copiados para uma pasta temporária na estação remota, criada a partir da pasta onde está sendo executado o TOTVS | SmartClient. A aplicação do TOTVS | SmartClient cria, automaticamente, um pasta de backup, onde é realizada uma cópia de segurança de todos os arquivos da pasta atual do TOTVS | SmartClient, antes de efetivar a atualização. Além disso, são mantidas na estação 3 (três) cópias de segurança dos arquivos do TOTVS | SmartClient, referente às três últimas atualizações efetuadas. Essas pastas, são criadas sequencialmente, a cada atualização efetuada, com os nomes de "bkp_remote.001", "bkp_remote.002" e "bkp_remote.003".
    Caso as três pastas já existem no momento da execução da atualização, a pasta "bkp_remote.001" é eliminada e as pastas "bkp_remote.002" e "bkp_remote.003" são renomeadas para "bkp_remote.001" e "bkp_remote.002", respectivamente, e uma nova pasta "bkp_remote.003" é criada para conter a cópia de segurança mais recente dos arquivos.
  • Em caso de impossibilidade ou falha da rotina de atualização automática, o TOTVS | SmartClient apresentará uma janela com a mensagem "Não foi possível atualizar automaticamente o Remote". Neste caso, o administrador do sistema deve ser notificado e verificar se os requisitos para o funcionamento da atualização foram preenchidos.


Observações

A partir da versão 7.00.170117A a atualização automática irá também atualizar os arquivos da pasta do SmartClient sempre que houver qualquer diferença de arquivo entre a pasta de update e a pasta do SmartClient.

A atualização para MacOSX está disponível a partir da versão 17.3.0.14 do AppServer e 17.3.0.9 do SmartClient, ambas devem estar atualizadas para que funcione.


  • No labels